Tribunais suspendem prazos após ataque cibernético

Ataque teve 200 mil vítimas no mundo.

O ataque mundial de hackers, que afetou 200 mil vítimas em pelo menos 150 países, levou à suspensão de prazos processuais em alguns Tribunais.

O TJ/SP foi um dos primeiros que, por cautela, desligou na sexta-feira, 12, todos os computadores da instituição no Estado, para evitar a propagação do ataque, e informou que os prazos processuais seriam suspensos.

Confira os Tribunais que suspenderam prazos em decorrência do ataque:

  • TJ/SP - 12/5

  • TJ/ES - 12 e 15/5

  • TJ/MS - 9 a 12/5 (portaria 613/17)

  • TJ/RR - 12 a 14/5

  • TJ/SE - 12 a 14/5

  • TRT da 2ª região - 12/5 (certidão de indisponibilidade)

O TJ/MT informou que não haveria suspensão dos prazos, já que o público externo -advogados e operadores do Direito - continuou tendo acesso normalmente às páginas do Tribunal.

© 2019 Píppi e D'Aló. Todos os direitos reservados

Desenvolvido por  Bublitz.ag